• Instagram
  • Facebook
  • Twitter

Espaço Artesanato em Movimento do Estado do Rio de Janeiro

Programa de Artesanato

do Estado do Rio de Janeiro

Notícia

Dia do Artesão com muita festa, representatividade e música no Galeão

Artesanato e turismo têm tudo a ver, principalmente quando a atividade artesanal tem a finalidade de representar a lembrança de uma viagem. Visto isso, a Secretária de Estado de Turismo do Rio, por meio do Programa de Artesanato, celebrou no dia 19 de março, o Dia Nacional do Artesão, de maneira diferente. Os turistas que passaram pela área de embarque doméstico e internacional do Aeroporto Tom Jobim (RIOGaleão), puderam assistir à apresentações de Jongo com o Grupo Caboclinhas e conferir um pouco do artesanato da Associação Bonecas Negras.

 

O grupo levou uma apresentação composta por voz, percussão e danças representativas da cultura quilombola, através da oficina “Vivência do Jongo”, com o objetivo de ensinar sobre a história brasileira.  Em paralelo, a Associação Bonecas Negras, de Armação dos Búzios, mostrou em seu artesanato o resgate da cultura quilombola através de bonecos de panos.

 

Para o coordenador do Programa, Saulo Romay, a comemoração no aeroporto, levando a cultura quilombola para os turistas, foi uma proposta inovadora.

 

- “Uma das vertentes do nosso trabalho é dar visibilidade ao rico e diversificado artesanato fluminense. Com o Programa, queremos cada vez mais desenvolver ações para promover a classe de maneira atrativa. Apresentar esse trabalho no RIOGaleão, onde por dia, só na área de embarque, circulam mais de 10 mil pessoa, é uma ótima maneira de fazer isso. Além do fato dos turistas serem um dos principais compradores de artesanato” – destacou Saulo.